Notícias

Emissoras da Simba podem retornar ao line-up das operadoras de TV por assinatura na terça (5)

Após sair do line-up das principais operadoras do país, a RecordTV, SBT e RedeTV, por meio da empresa Simba, querem resolver o mais rápido possível esse impasse, que fizerem seus índices de audiência despencarem na Grande São Paulo, principal praça para o mercado publicitário. Uma reunião com os dirigentes das operadoras e um representante da Simba foi marcada, e nele espera-se um desfecho para esse assunto.

Inicialmente, as emissoras cobraram R$ 15 reais por assinante, para continuar nas operadoras de TV Paga, em seguida esse valor caiu para R$ 8 reais, e agora estima-se que está sendo cobrado R$ 2,30 por assinante, isso representa um valor anual de R$ 524,4 milhões a mais nos cofres das emissoras de TV Aberta. Esse valor seria dividido da seguinte maneira: RecordTV e SBT ficariam com R$ 1,00 por assinante e a RedeTV com os outros R$ 0,30 centavos, já que o canal tem uma audiência bem limitada.

Segundo as próprias emissoras, a intenção é investir esse dinheiro na melhor qualidade da programação, e também futuramente abrir canais para o segmento fechado, como já ocorre com a Globosat, que pertence ao Grupo Globo. Até o momento, apenas a VivoTV aceitou negociar com as emissoras, e não retirou seus canais do ar.

Comente abaixo:

Artigos relacionados

1 pensou em “Emissoras da Simba podem retornar ao line-up das operadoras de TV por assinatura na terça (5)”