SBT

Em crise financeira, SBT demite jornalistas experientes e tenta reinventar seu jornalismo

Atravessando uma crise financeira, o SBT tem promovido cortes de gastos em todos os setores, até aqui, o jornalismo, peça fundamental de uma emissora, vem sendo o mais afetado. Segundo informações, a ordem é diminuir salários, dispensar jornalistas que recebem acima de R$ 35 mil, e trocar por novas caras, com um custo cinco vezes menor.

Nesse corte da emissora, já entraram jornalistas como Joyce Ribeiro e Hermano Henning, que tinham mais de 10 anos de casa, e eles foram trocados por exemplo, por Dudu Camargo, um jovem de 18 anos, com ensino médio completo.

Além do jornalismo, o entretenimento também entrou nessa linha de cortes, o “Sabadão” será descontinuado, o novo cenário do “Programa do Ratinho”, não vai acontecer, as novelas estão com cada vez menos externas, e os programas fundo de quintal, super mau produzidos tomam conta da emissora.

Para evitar gastos também, a emissora estendeu as férias de seus programas em um mês, “Eliana”; “Domingo Legal”; “Sílvio Santos”; “Ratinho”; “Raul Gil”; que deveriam voltar no inicio de fevereiro, voltarão só em março, com exceção dos dois últimos, que retornaram com programas inéditos essa semana.

Atualmente o SBT tem um faturamento médio de R$ 1 bilhão, e uma programação recheada de programas e novelas enlatadas, sendo assim, a conta da emissora não está fechando por absoluta falta de competência dos que o dirigem.

Comente abaixo:

Artigos relacionados