Conteúdo GeralGlobo

Com duas horas de duração, “Jornal Hoje” registra alta audiência nesta quarta (13)

Jornal Hoje
Imagem: Ricardo Souza

A Rede Globo alterou sua programação na tarde desta quarta feira (13) para exibir o “Jornal Hoje” com a cobertura completa sobre a morte de Eduardo Campos, que era candidato a presidência da republica pelo PSB, com isso o telejornal que teve seu tempo quadriplicado registrou uma excelente audiência, dobrando praticamente os números da emissora em relação ao dia de ontem.

O telejornal comandado por Sandra Annemberg e Evaristo Costa marcou segundo dados preliminares do ibope 14,6 pontos de média e chegou a picos de 18,0 pontos na Grande São Paulo e obteve ao todo 33% de participação em share.

No confronto direto a Rede Record que também fazia a cobertura do fato marcou 6,7 pontos de média e ficou na vice liderança, o SBT ficou em terceiro lugar com 4,9 pontos de média e a Band ficou em quarto lugar com 3,1 pontos de média apenas.

Vale lembrar que os dados são prévios e podem sofrer alterações nos consolidados. Cada ponto na capital paulista equivale a 65 mil domicílios.

Comente abaixo:

Artigos relacionados

0 pensamentos “Com duas horas de duração, “Jornal Hoje” registra alta audiência nesta quarta (13)”

  1. O furo de jornalismo foi da record!!! Enquanto a globo anunciava a queda do jato onde se encontra Eduardo Campos e sua comitiva, a Record já tinha declarado a morte do candidato !!! E mesmo assim ela ainda conseguiu ficar em 1º lugar. Fazer o que ?

  2. Furo de reportagem não garante audiência, até porque é uma coisa tão rápida… Mas se for por audiência nem se preocupe, que o Cidade Alerta deve ir pras alturas mostrando o necessário e o desnecessário sobre a tragédia.

  3. Pedro em nenhum momento me referir ao furo que a Record deu no caso Campos, como uma arma para elevar a audiência. Apenas que mostrar que o jornalismo da Record tem se destacado em vários aspectos em relação ao da rede globo. A globo só mantem seus altos índices de audiência porque têm um público fiel que não sabe apreciar o que as outras emissoras têm para oferecer.