Band

Com aumento nas verbas do Governo Federal, Band exibe editoriais à favor de Michel Temer

Em menos de 2 meses, a Band exibiu dois editoriais defendendo o Presidente da República Michel Temer (PMDB), alvo de investigações por corrupção passiva e também de um processo de Impeachment que começa a tramitar na Câmara dos Deputados. Coincidência ou não, esses editoriais acontecem logo após sair a notícia de que o canal foi um dos que receberam o maior aumento nas verbas públicas do Governo Federal entre abril de 2016 de 2017, na comparação com 2015/2016, no Governo Dilma (PT). 

O primeiro editoral do Grupo Bandeirantes foi lido por Ricardo Boechat, no principal telejornal da emissora, e nele dizia que o Grupo Bandeirantes torcia que o Presidente conseguisse aprovar as Reformas e que essas fariam bem para o Brasil e o tornaria mais competitivo, o apresentador, foi alvo de bastante protestos nas redes sociais, mas esclareceu que aquela era a opinião da emissora e não sua, e que tem total autonomia para expressar suas opiniões nos espaços que lhe são cedidos. 

O segundo aconteceu nesta semana, logo após a aprovação da Reforma Trabalhista no Senado Federal, desta vez, o editoral foi lido por Fábio Pannunzio, também no principal telejornal da emissora, onde em nome do Grupo Bandeirantes, foi comemorada a aprovação da Reforma, mesmo sabendo que essa era rejeitada pela maioria da população brasileira. 

É pouco comum que uma emissora de Televisão, que deveria ter um papel imparcial na sociedade, expressar abertamente suas opiniões institucionais, até porque, o papel da imprensa é ser imparcial, dando os dois lados da notícia, para que ai sim, o espectador forme a sua opinião. 

Comente abaixo:

Artigos relacionados